Notícias

QUERCUS ALERTA QUE UM QUARTO DOS MUNICIPIOS NÃO TEM PLANO CONTRA INCÊNDIOS

Escrito por em 2017-08-22 13:04:34

QUERCUS ALERTA QUE UM QUARTO DOS MUNICIPIOS NÃO TEM PLANO CONTRA INCÊNDIOS

Mais de um quarto dos municípios não tem um plano municipal contra incêndios.

O alerta foi lançado esta semana pela associação ambientalista Quercus.

“A Quercus considera em comunicado muito preocupante que um quarto dos municípios de Portugal Continental não cumpra as suas obrigações no âmbito da legislação de defesa da floresta contra incêndios”.

A associação esclareceu que a existência desses planos implica “um planeamento e calendarização de acções de silvicultura preventiva”, designadamente limpezas, “com o objectivo de evitar que os fogos atinjam grandes proporções e o de proteger eficazmente pessoas e bens”.

De acordo com a Quercus, “na lista dos 72 municípios que não estão a cumprir a legislação estão alguns que este Verão ficaram bem conhecidos pelas piores razões, como Alijó, Fundão, Vila de Rei, Castanheira de Pêra e Pedrógão Grande”.

Ainda segundo a associação ambientalista, existem somente três distritos do continente nos quais 100% dos municípios têm o seu Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios em vigor e operacional: Viseu, Guarda e Portalegre.

“A legislação não prevê nenhuma penalidade para os municípios que não cumprem esta obrigação legal, para além de não poderem ter acesso a fundos comunitários destinados à prevenção de incêndios e protecção da floresta”.

A Quercus assinala ainda que, embora a legislação determine que os Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios aprovados e em vigor devem estar disponíveis para todos na página de internet do Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), “isto não acontece”.

A Associação Nacional de Conservação da Natureza “considera fundamental, e do mais elementar direito, que estes Planos possam ser consultados por todos os cidadãos interessados, para que possam verificar rapidamente e inequivocamente, se estão a ser feitas as obrigatórias reduções de combustíveis junto a estradas, casas e povoações”.

“Deste modo, os cidadãos poderão alertar atempadamente as autoridades competentes para eventuais situações de incumprimento e ter um papel activo na defesa das suas vidas e dos seus bens”, remata a ONG.

Os municípios de Alijó e do Fundão contestam alerta da Quercus, que aponta para 72 municípios sem Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios.

Em declarações à Renascença, o vice-presidente da Câmara de Alijó, José Paredes, fala em “notícia enganosa” e olha para esta informação da associação ambientalista com estranheza.

 

“Alijó tem aprovado um plano municipal de defesa da floresta contra incêndios. Esses planos são válidos por cinco anos. Foi revisto e actualizado em finais de Dezembro de 2014 e foi remetido ao Instituto da Conservação da Natureza e Florestas um parecer positivo, no dia 30 de Dezembro de 2014. Até à data, suponho porque estavam à espera de uma alteração legislativa ao decreto de lei 124, que dá corpo a este plano, não comunicaram ao município de Alijó nem a sua aprovação nem a sua desaprovação”, explica José Paredes.

A autarquia diz ter recebido informação de aprovação do plano de forma oficiosa e aguarda a informação oficial do Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), que tem competência para publicar o plano.

“O assunto está nas mãos do ICNF, que é um organismo do Estado. O ICNF que responda, porque não aprovou ou não comunicou oficiosamente essa decisão ao município. Nós temos um plano de 2009 e um plano revisto e actualizado em 2014, que está para aprovação do ICNF.”

A Renascença levantou já esta e outras questões junto do Instituto da Conservação da Natureza e Florestas e aguarda uma resposta.

José Paredes, que também é vereador da protecção civil da Câmara de Alijó, sublinha que o plano tem sido colocado em prática e tem sido feito investimento “muito significativo” na prevenção. “O resultado está à vista”, afirma.

O vice-presidente da Câmara do Fundão, Miguel Gavinhos, garante que também esta autarquia tem este e outros planos activos e no terreno.

“O plano de defesa da floresta contra incêndios foi aprovado no dia 12 de Janeiro, numa primeira reunião da comissão de protecção civil, e ratificado numa reunião da mesma comissão a 12 de Abril”, esclarece o autarca.

Também aqui a prevenção dos incêndios tem sido uma prioridade. “O município do Fundão, nestes últimos dois anos, teve um investimento superior a um milhão de euros nestas áreas. Foi um esforço muito grande para o município do Fundão, que se considera exemplar no que toca à prevenção e riscos de incêndio florestal”, afirma Miguel Gavinhos.

 

Voltar para a página de notícias

Portugal Ultramarathon Beira Baixa conta já com 10 nacionalidades

Facebook

Escrito por RCM em 2018-06-22 19:50:36

Portugal Ultramarathon Beira Baixa conta já com 10 nacionalidades

  A IV edição do desafio decorrerá de 26 a 29 de julho de 2018 O desafio que transcende os limites físicos e psicológicos de quem participa nesta aventura continua a ter reflexos além-fronteiras. Nesta IV edição do evento, de 26 a 29 de julho de 2018, estarão presentes atletas de 10 nacionalidades diferentes, sendo 60% estrangeiros. Brasil, Espanha, Luxemburgo, EUA, Argentina, Dinamarca, França, Japão são alguns dos países que compões o leque de participantes da Portugal Ultramarathon Beira Baixa 2018. Este desafio, das maiores distâncias do mundo, atravessa uma natural paisagem, percorrendo concelhos como Penamacor, Idanha-a-Nova, Vila Velha de Rodão, Proença-a-Nova, Oleiros e Castelo Branco, em Portugal. Um percurso com 281 km desenhado por trilhos florestais e pedestres, caminhos rurais e estradas de asfalto, com passagem pelo Geopark Naturtejo, castelos, Aldeias de Xisto e praias fluviais. Um duro desafio físico que os inscritos terão que concluir, guiados por GPS, no máximo em 66 horas. Inspirada na prova estadunidense Bardwater e na brasileira BR135+, a Portugal Ultramarathon relaciona-se pelas condições climatéricas similares, em que alguns locais de prova as temperaturas sobem muito facilmente acima dos 40ºC. Uma viagem de conhecimento do próprio eu e de um território! As inscrições estão a decorrer em http://horizontes.pt/2018/index.php/produto/kit-pt281/ e a participação poderá ser feita de forma individual, em dupla, tripla ou quadra.    

Ler mais

COMEMORAÇÕES DO DIA DE PORTUGAL NOS EUA

Facebook

Escrito por RCM em 2018-06-03 11:33:14

COMEMORAÇÕES DO DIA DE PORTUGAL NOS EUA

PARTICIPAÇÃO DAS ADUFEIRAS DE MONSANTO por convite do Cônsul de Portugal em Newark-Estados Unidos da América, senhor Doutor Pedro Oliveira     Dia 8 Actuação de 20 minutos nas Nações Unidas; Actuação de 15 minutos no New Jersey Performing Arts Center - o principal centro cultural de Nova Jérsia - Primeira cidade e maior centro da comunidade portuguesa nos EUA.   Dia 9 Actuação de 20 minutos em Bethlelem, Pensilvânia; Actuação de 30 minutos no Sport Club Português, Newark   Dia 10 Participação na parada do Dia de Portugal; Actuação de 30 minutos no Festival de Folklore  

Ler mais

O PRESIDENTE MARCELO DEFENDE NECESSIDADE DE ACORDO ENTRE AUTORES E RÁDIOS QUANTO A MÚSICA

Facebook

Escrito por RCM em 2018-05-27 12:18:54

O PRESIDENTE MARCELO DEFENDE NECESSIDADE DE ACORDO ENTRE AUTORES E RÁDIOS QUANTO A MÚSICA

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, defendeu a necessidade de um acordo entre a Sociedade Portuguesa de Autores (SPA e Direitos Conexos) e as rádios, em questão de música, e sobre a importância de uma “comunicação social forte”. Ontem, no encerramento do Congresso da Associação Portuguesa de Radiodifusão, em declarações aos jornalistas, o Chefe de Estado indicou ter participado no evento para dar um “abraço de solidariedade e também a esperança de haver um acordo”. “Se é possível haver um acordo com a SPA em relação a outros autores, tem de haver um acordo em relação aos autores no domínio da música. Sabemos que não há rádio sem música e que pode ser incomportável uma solução sem acordo. E uma a uma, várias rádios começam a ter problemas graves, se as exigências nesse domínio forem também muito pesadas”, disse.  

Ler mais

MONSANTO VERDE MAIS UM PROJECTO INOVADOR APRESENTADO EM PARIS

Facebook

Escrito por CMIN em 2018-05-25 09:33:05

MONSANTO VERDE  MAIS UM PROJECTO INOVADOR APRESENTADO EM PARIS

O Município de Idanha-a-Nova esteve presente, com um stand, no Salão do Imobiliário e do Turismo Português em Paris, representado pelo presidente da autarquia, Armindo Jacinto. Esta presença, entre os dias 18 e 20 de Maio, foi organizada em parceria com o projecto inovador Monsanto Verde, que está a ser desenvolvido por investidores franceses na aldeia histórica de Monsanto e foi lançado oficialmente no salão parisiense. Este empreendimento captou a atenção do jornal francês “Le Figaro”, que destacou a criação de “uma quinta biológica com 40 moradias ecológicas disponíveis em 238 hectares”, num projecto que visa integrar todas as componentes do desenvolvimento sustentável, nomeadamente a economia colaborativa, funcional, societal, circular e ecológica. Em comunhão com a natureza, pretende-se criar um espaço social, ecológico e economicamente responsável que se venha a assumir como o empreendimento de desenvolvimento sustentável mais completo até hoje em Portugal. Mais informações em http://monsantoverde.com/. Durante os dias do Salão do Imobiliário, que contou com a presença da Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, o Município de Idanha-a-Nova promoveu a estratégia para o concelho, nas suas diferentes vertentes, divulgando as potencialidades de um território com três selos UNESCO e que é a primeira Bio Região portuguesa. 

Ler mais

ESTAÇÃO BASE DO SIRESP EM MONSANTO

Facebook

Escrito por RCM em 2018-05-22 18:27:51

ESTAÇÃO BASE DO SIRESP EM MONSANTO

Foi hoje concluída a instalação de modernos equipamentos de ligação ao satélite. Mais um compromisso do SIRESP (Sistema Integrado das Redes de Emergência e Segurança de Portugal), no sentido de que as comunicações não irão falhar, e assim ser providenciada uma melhor protecção às populações.  

Ler mais

Mais Notícias

© Rádio Clube de Monsanto 2018 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line