Notícias

CRÓNICA DE UM REGRESSO A TIMOR-LESTE

Escrito por Palmira Marques, em Dili - Timor-Leste em 2012-04-19 17:58:16

CRÓNICA DE UM REGRESSO A TIMOR-LESTE

“(Co)missão em Timor”ou “Laços Inesquecíveis”

“Na verdade não foram malfadadas

As horas que em Timor foram contadas.

Mesmo esta longa e morna solidão

Estes dias felizes de verdade

horas boas e más, nos ficarão

gravadas para toda a eternidade.”

(in pág,31, “Comissão em Timor” de Joaquim M. Fonseca )

 

Como ficou prometido aos microfones da Rádio Clube de Monsanto, aqui estou a enviar umas palavrinhas em jeito de “cronicando” como diria o meu amigo Mia Couto. Encontro-me pois, a escrever estas primeiras notas, hoje dia 13 de abril, sexta feira, no aeroporto de Singapura, onde cheguei às 16h e vou passar a noite para partir de manhã em direção ao aeroporto Internacional Nicolau Lobato, em Díli. O aeroporto de Singapura é muito bonito, cheio de luz e com pormenores graciosos e delicados como os jardins interiores onde florescem as mais lindas orquídeas ou lagos onde nadam gordos peixes vermelhos. Tem contudo este aeroporto uma particularidade que muito me intriga: o revestimento do piso a alcatifa, tornando este espaço um local silencioso demais para o meu gosto (quem imagina um aeroporto gigantesco com tal silencio?) Mas tem também uma agradável surpresa: para quem chega a Singapura e tenha amigos nesta cidade, pode contatá-los gratuitamente através das cabines telefónicas dispersas pelos 3 terminais do aeroporto.

Vou passar a noite em claro, lendo o livro de Joaquim M. Fonseca “Comissão em Timor” e tal como o título indica, o autor fez a tropa em Timor entre 1969/1971. Fala-nos ele da sua experiência na Ilha onde foi a “Voz de Portugal na Oceânia”, tal como agora é a ”Voz da Região Monsantina” com a diferença de que naquela época a sua voz só se ouvia em Timor e nos arredores e hoje, com a evolução da tecnologia, a Rádio Clube de Monsanto, escuta-se em todo o mundo através da internet. Ao longo das páginas, o autor relata-nos o seu dia a dia e explica situações que aconteceram. Digno de nota é que o autor para além de descrever o que foi acontecendo nesses 24 meses em Timor, traz ao de cima a veia poética de Joaquim M. Fonseca, deixando assim impresso no livro “Comissão em Timor”, poesia linda, sentida e espontânea.

Mais que uma vez ao longo do livro, refere o autor que “este povo (de Timor) gostaria de se manter ligado a Portugal”. Como a edição do livro data de 1976, com todos os acontecimentos que precederam a publicação, o autor viu-se na contingência de ter que incluir páginas dedicadas ao “Timor Leste como a 27ª Província da Indonésia” – ainda que com grande pena dele (e nossa!) – atualizando assim a informação com documentos de jornais da época. Uma obra que  está esgotada que mas terá interesse para os amantes daquele povo “que não permite que ninguém, mesmo inadvertidamente, pise a sombra da Bandeira Portuguesa!”

Bairro de Santa Cruz, Cidade de Díli aos 16 de Abril de 2012

Palmira Marques

 

Voltar para a página de notícias

FESTIVAL DO AZEITE E FUMEIRO PROMOVE SABORES TRADICIONAIS DE PROENÇA-A-VELHA

Facebook

Escrito por RCM em 2017-02-20 17:57:58

FESTIVAL DO AZEITE E FUMEIRO PROMOVE SABORES TRADICIONAIS DE PROENÇA-A-VELHA

O XV Festival do Azeite e Fumeiro, em Proença-a-Velha, no concelho de Idanha-a-Nova, vai ser o ponto de encontro dos sabores e saberes tradicionais, nos dias 25 e 26 de fevereiro. O evento decorre junto ao Complexo de Lagares de Proença-a-Velha, com animação temática, música e gastronomia. Durante dois dias há provas de azeite, demonstrações da produção de enchido tradicional, animação infantil, feira de produtos regionais, tasquinhas e restaurantes. No cartaz musical destaque para a Grande Noite de Fados, no sábado pelas 20h00. Vão ouvir-se as vozes de Sara Paixão, Rui Aziago e Salomé Silveira, finalista do programa The Voice Portugal da RTP1. A organização do festival está a cargo do Município de Idanha-a-Nova e da Junta de Freguesia de Proença-a-Velha.

Ler mais

FESTIVAL DE GUITARRRA DE CASTELO BRANCO DÁ DESTAQUE À VIOLA BEIROA

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-02-15 16:25:49

FESTIVAL DE GUITARRRA DE CASTELO BRANCO DÁ DESTAQUE À VIOLA BEIROA

A quinta edição do Festival de Guitarra de Castelo Branco, que começa no dia 23, tem este ano em destaque a viola beiroa. Em comunicado, o Conservatório Regional de Castelo Branco, entidade organizadora, explica que, para além das duas "masterclasses" que já se tornaram habituais neste evento, vão decorrer ainda dois recitais e dois concertos entre os dias 23 de fevereiro e 04 de março. Em destaque vai estar o músico Miguel Carvalhinho, que, no dia 04 de março, às 21:30, no palco do conservatório, faz um recital dedicado à viola beiroa e à guitarra clássica de 10 cordas. O arranque do festival acontece no dia 23, às 21:30, no Museu Francisco Tavares Proença Júnior, com o primeiro recital a cargo da classe de guitarra do Conservatório de Castelo Branco.  

Ler mais

CENTRAL NUCLEAR CANCELA VISITA DA ORDEM DOS ENGENHEIROS

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-02-14 12:09:23

CENTRAL NUCLEAR CANCELA VISITA DA ORDEM DOS ENGENHEIROS

A Ordem dos Engenheiros denunciou esta terça-feira que a entidade gestora da central nuclear espanhola de Almaraz decidiu cancelar a visita desta comitiva portuguesa ao local, agendada para hoje, sem apresentar quaisquer razões. A Ordem dos Engenheiros de Portugal tinha previsto para esta terça-feira uma visita a Almaraz para se “inteirar dos desenvolvimentos da anunciada intenção de construção de um depósito de resíduos nucleares junto desta central, bem como das perspectivas de prolongamento do seu ciclo de produção”. A entidade gestora da central nuclear de Almaraz explicou hoje que cancelou a visita de um grupo da Ordem dos Engenheiros portuguesa porque esta entidade alterou os objectivos inicialmente estabelecidos para a deslocação.   Fonte da central de Almaraz explicou à agência Lusa que "há dezenas de visitas anualmente de cortesia e de carácter técnico" geral, para explicar às mais diversas entidades "o que é e como funciona uma unidade nuclear de produção de electricidade". Segundo a mesma fonte, a Ordem dos Engenheiros Portugueses pretendia "investigar" as condições de prolongamento da central e a construção do aterro nuclear "e isso não era o tema da visita".

Ler mais

DIA MUNDIAL DA RÁDIO

Facebook

Escrito por RCM em 2017-02-13 12:39:46

DIA MUNDIAL DA RÁDIO

As Rádios Portuguesas também assinalam a data neste dia 13 mais um Dia Mundial da Rádio. Instituída pela Assembleia Geral da UNESCO em 2011, esta data tem por objectivo não só celebrar a Rádio como média, mas também promover a cooperação internacional entre radiodifusores. O tema escolhido para a edição deste ano do Dia Mundial do Rádio é “O rádio é você!”, sendo que o objectivo passa por incentivar as rádios de todo o mundo a possuírem as ferramentas para serem as melhores estações de rádio que possam e consigam.

Ler mais

QUERCUS QUER RESERVA NATURAL DA SERRA DA MALCATA COMO ZONA LIVRE DE CAÇA

Facebook

Escrito por RCM/Lusa em 2017-02-09 14:09:03

QUERCUS QUER RESERVA NATURAL DA SERRA DA MALCATA COMO ZONA LIVRE DE CAÇA

A Quercus pediu esta quarta-feira ao Governo que volte a interditar a caça na Reserva Natural da Serra da Malcata, um ano após a entrada em vigor da portaria que revogou a proibição. Em comunicado, a Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza reforça que é "totalmente contra" a caça naquela área protegida do interior do país e considera que a portaria é "um atentado à biodiversidade e à fauna", uma vez que aquele local era um refúgio para espécies ameaçadas. A Quercus lembra que a Reserva Natural Serra da Malcata tem uma superfície de 16.348 hectares "e o seu símbolo é o Lince-ibérico (Lynx pardinus), o felino mais ameaçado do mundo, de comportamento esquivo, que apenas subsiste na Península Ibérica". Segundo a nota enviada à agência Lusa, além do lince, aquela zona dos concelhos de Sabugal (Guarda) e de Penamacor (Castelo Branco), alberga ainda cerca de 218 outras espécies de vertebrados. A associação lembra que houve iniciativas políticas e de cidadãos que culminaram com a aprovação, pela Assembleia da República, de uma Resolução, em 29 de abril de 2016, "que recomenda ao Governo a proibição da caça na Reserva Natural da Serra da Malcata, assinada pelo presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues".

Ler mais

Mais Notícias

Notícias da Região

JORNAL O INTERIOR

A Carregar ...

JORNAL DO FUNDÃO

A Carregar ...

JORNAL A GUARDA

A Carregar ...

© Rádio Clube de Monsanto 2017 | 98.7 e 107.8 FM | CSB 652 / RDS

Amigos da RCM | Discos Pedidos | Programação | Contactos | Opiniões | Livro de Visitas | Compras On-Line